Você sabia? Conheça a edição de impostos no contas a pagar

VOCÊ SABIA? INTEGRAÇÃO COM O CONTAS A PAGAR E RECEBER A PARTIR DO EFD

O módulo Contas a Pagar do MXM-WebManager é uma importante ferramenta para controle de compromissos da empresa com seus fornecedores.

Para atender aos ajustes de impostos calculados pelo ERP – geralmente ocorridos em função da diferença de regra de cálculo dos sistemas dos fornecedores -, agora é possível inserir os valores de impostos exatamente iguais aos que constam nos boletos enviados pelos fornecedores.

Isto é feito através da rotina MANUTENÇÃO DOS IMPOSTOS DE TÍTULOS DO CONTAS A PAGAR. É importante mencionar que apenas os títulos em aberto e aqueles que ainda não tiveram os impostos processados poderão ser editados. Não poderão ser ajustados: títulos pagos, títulos com impostos recolhidos, faturados ou com parcelas.

A contabilização de títulos editados nesta funcionalidade será modificada.

Por exemplo:

Gerado um título a pagar de R$ 1.000,00 reais no módulo Contrato de Compras, o sistema calcula o imposto de renda retido na fonte no valor de R$ 99,99, pois está configurado para fazer o arredondamento. No entanto, o fornecedor enviou o boleto a pagar com este mesmo imposto calculado no valor R$ 100,00. Temos assim:

BOLETO DO FORNECEDOR

Valor total do boleto: R$ 1.000,00
IRRF: R$ 100,00

Título a Pagar antes do ajuste:

Valor bruto do título: R$ 1.000,00
Valor do IRRF calculado: R$ 99,99
Valor líquido do título: R$ 900,01

Contabilização do título antes do ajuste

Conta contábil do fornecedor – débito de R$ 900,01
Conta contábil do Imposto – débito de R$ 99,99
Conta contábil do Grupo de pagamento – crédito de R$ 1.000,00

Depois de fazer o ajuste do valor do imposto (adicionando 0,01 centavo para igualá-lo ao valor do boleto) teremos os seguintes resultados no título e na contabilização:

Valor bruto do título: R$ 1.000,00
Valor do IRRF: R$ 100,00, onde R$ 99,99 foi calculado e R$ 0,01 foi adicionado pelo usuário.
Valor líquido do título: R$ 900,00

Contabilização do título antes do ajuste

Conta contábil do fornecedor – débito de R$ 900,01
Conta contábil do Imposto – débito de R$ 99,99
Conta contábil do Grupo de Pagamento – crédito de R$ 1.000,00
Conta contábil do fornecedor – crédito de R$ 0,01
Conta contábil do Imposto – débito de R$ 0,01


Quer conhecer mais sobre os módulos do ERP? Neste e-book falamos sobre quais são os principais, suas diferenças e como escolher os melhores para a eficácia do seu negócio. Baixe agora mesmo gratuitamente e fique por dentro desse sistema que pode mudar sua empresa:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.