Auditoria fiscal: quais são os benefícios para a empresa?

auditoria fiscal
Compartilhe:

Nosso cenário tributário pode ser muito confuso. Dependendo das atividades da empresa, do faturamento anual e de algumas outras variáveis, existem diferentes faixas fiscais que podem ser aplicadas. A saída para saber se o seu negócio está alinhado às exigências do Fisco é por meio de uma inspeção, que pode ser facilitada com um relatório de auditoria fiscal.

Para que você possa entender melhor o que é e como funciona o relatório de auditoria fiscal dentro de uma empresa, preparamos este artigo. Nele, você vai saber os conceitos pertinentes à área fiscal e como fazer uma auditoria. Confira! 

O que é auditoria fiscal?

Essa atividade é uma inspeção contábil aplicada em uma determinada empresa para a verificação de controle tributário. O profissional auditor é o responsável por realizar uma análise para identificar se todos os tributos estão sendo pagos em dia e se ocorreram quaisquer erros ao cumprir a legislação.

Outro ponto muito importante da auditoria fiscal é identificar as chamadas vantagens tributárias, que podem ser aproveitadas pela empresa para uma inserção em faixas fiscais menos onerosas.

 Como funciona a auditoria?

A auditoria pode ser realizada por profissionais internos ou externos, contratados apenas para isso. Um contador é o mais indicado nesse caso, já que ele pode avaliar da melhor forma as informações contábeis da empresa.

Durante o processo, é feita uma análise profunda, dividindo as áreas do negócio, buscando fraudes, brechas ou falhas que possam trazer algum tipo de prejuízo para a organização. Esse profissional deve agir de forma independente e com acesso a todos os dados fiscais.

 Quais são os benefícios de uma auditoria fiscal?

Ao optar por fazer uma auditoria fiscal completa, uma empresa poderá contar com uma série de benefícios. Listamos abaixo alguns dos principais.

Atuação preventiva

Ao realizar uma avaliação minuciosa sobre o pagamento de tributos, o auditor prevê a ocorrência de falhas e fraudes. O relatório final apresentado pelo profissional conterá uma revisão geral sobre todos os documentos avaliados, possibilitando a correção deles.

Em médio prazo, isso inviabiliza a ocorrência de denúncias por irregularidades, que podem prejudicar a empresa diante do Fisco em algum momento, por meio de multas e outras sanções.

Cumprimento da legislação

Outro ponto tratado como uma vantagem da contratação de uma auditoria fiscal é a certeza do cumprimento de toda a legislação tributária.

O auditor é um profissional que tem grande know-how tributário. Com isso, ele pode verificar quais são as reais obrigações fiscais de uma determinada empresa e analisar se todas elas estão sendo realmente cumpridas pelo negócio.

Recuperação de impostos pagos

Por conta da confusão que envolve nosso sistema tributário e o medo de realizar algum recolhimento de forma indevida, muitos gestores acabam por pagar mais do que devem aos cofres públicos.

Por exemplo, um negócio que optou por Lucro Presumido, enquanto se encaixava em Simples Nacional, tem de recolher mais tributos do que deveria. Quando recuperados, esses valores aumentam a lucratividade e podem ser investidos em melhorias e desenvolvimento do negócio.

 Como a tecnologia pode ajudar na auditoria fiscal?

Um relatório de auditoria fiscal pode ajudar a aperfeiçoar os procedimentos fiscais na empresa. Quando esse processo é realizado de forma manual, é preciso contratar mão de obra especializada, o que pode significar um grande custo para a organização.

Além disso, processos manuais têm mais chances de erros, e, por isso, contar com a ajuda de um sistema é fundamental.

Com um software de gestão é possível fazer essa atividade sem transtornos, e a ferramenta ainda emite relatórios, mitigando erros, ao mesmo tempo em que reduz custos com mão de obra e otimiza o tempo da equipe. Outras vantagens da contratação de um software de auditoria fiscal são:

  • automatização dos processos contábeis;
  • facilidade nos cálculos de impostos e outros processos;
  • análise de dados por meio de relatórios.

 O que precisa constar no relatório de auditoria?

Um relatório de auditoria fiscal é um documento que comprova o andamento das atividades contábeis da empresa. Ele pode validar as atividades contábeis de acordo com os processos legais ou identificar falhas e fraudes, além de apontar erros. Veja a seguir o que não pode faltar no seu relatório de auditoria fiscal!

Relação de não conformidades

Esta é uma das partes mais importantes de uma auditoria fiscal e tem como objetivo identificar inconsistências dos processos. Para isso, faz o descritivo de falhas, imprescindível para que se possa criar um plano de ação.

Com essas informações em mãos, é possível identificar de forma eficaz quais são as etapas dos processos que necessitam ser corrigidas.

Evidências

Trata-se de todas as evidências de fatos apurados pelo sistema de auditoria fiscal. As informações constantes no relatório devem apresentar os fatos observados, e são muito importantes para fazer o embasamento de todo o conjunto do relatório.

Sugestões e recomendações para melhorias

Nessa parte, o usuário do software de auditoria fiscal pode fazer as observações com recomendações para o fechamento do relatório de auditoria financeira. Ou seja, pode fazer críticas e sugerir mudanças que são necessárias para o processo.

Mas é preciso prestar atenção, pois o objetivo não é apontar os culpados pelas questões levantadas, mas evidenciar que existem questões a serem corrigidas. Para isso, de modo geral, o relatório é feito com base em questões legais, regulamentos internos da empresa e normas da companhia.

É importante que você saiba que o relatório de auditoria fiscal vai apenas apontar os diversos aspectos encontrados, não sendo acompanhado por um plano de ações, que deverá ser conduzido por um gestor ou consultor da área fiscal.

Procedimentos não observados

Trata-se de ações obrigatórias e que não foram observadas na empresa. Merecem atenção do gestor para os procedimentos cabíveis. O compilado de todas essas informações servirá como guia para orientar os gestores acerca das questões pertinentes à área fiscal da empresa. Com isso, será possível fazer um plano de ação, tornando os processos mais sólidos e confiáveis.

Ademais, é possível usar o relatório de auditoria fiscal para comparar com os resultados obtidos após a execução das ações traçadas e atestar a eficiência dessas alterações.

Como vimos ao longo desta leitura, um relatório de auditoria fiscal é essencial para evitar sanções, melhorar a compreensão tributária e reduzir custos com impostos, além de ajudar os gestores na condução dos trabalhos para estarem de acordo com as normas tributárias. 

_________________________________________________________________________________________________________________________

Quer saber por que a gestão fiscal pode mudar a forma como o seu empreendimento faz negócios? Este e-book foi preparado para esclarecer suas dúvidas sobre diferentes aspectos desse processo. Para saber mais, é só baixar o e-book gratuito clicando no banner abaixo. Boa leitura!

 

cta blog 2 01 1

Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.