8 dicas incríveis para o controle de vendas do seu negócio

controle de vendas 01
Compartilhe:

CTA telas mobile mxm webmanager

Uma boa gestão empresarial depende de diversos tipos de controle, sejam eles qualitativos ou quantitativos. Contar com esses recursos é um dos fatores que tornam uma empresa bem-sucedida, já que assim é possível executar as tarefas necessárias de modo que tudo esteja alinhado ao planejamento do negócio.

Dessa maneira, apontaremos neste artigo algumas dicas para o controle de vendas, visto que é bastante comum que empresas não contem com uma gestão ideal nesse aspecto — o que, por consequência, atinge outros setores, como o de finanças e o estoque. Quer saber como esse controle pode ser melhorado no seu negócio? Então, continue a leitura e confira o que preparamos!

Importância do controle de vendas

controle de vendas é necessário para uma boa gestão de todas as tarefas que fazem parte do processo de venda. Isso significa que abrange questões como a análise e a proposta de melhorias na maneira como os produtos são adquiridos, armazenados, negociados e entregues ao cliente.

Ao cuidar corretamente do controle de vendas, o negócio poderá experimentar uma notável melhora no planejamento financeiro, na organização de estoque, no desempenho da equipe e uma otimização na forma como os produtos passam pelos setores. Tudo isso gera, ainda, um público mais satisfeito com a eficiência da empresa — uma vantagem considerável.

Em resumo, a importância de um bom controle de vendas beneficia todos os setores de um negócio, permitindo que o empreendedor mantenha processos organizados e bem-estruturados, alcançando resultados satisfatórios com mais facilidade.

Dicas para o controle de vendas

Após saber a importância que esse controle tem para o negócio, confira a seguir como ele pode ser feito da melhor forma possível:

1. Cuide da gestão de estoque

Um bom controle de vendas depende, entre outros aspectos, do estoque, já que não é preciso apenas vender, mas também entregar. Assim, é importante sempre saber como anda a quantidade de produto armazenado, para que se possa realizar vendas com segurança.

Uma das melhores maneiras de realizar esse controle é por meio de um sistema ERP, que integra os setores de estoque e de vendas, tornando o processo de conferência muito mais simples e evitando problemas com disponibilidade e prazos.

2. Mantenha o registro das vendas

Contar com um registro de vendas é essencial para um bom controle dos processos do negócio. Por conta disso, toda saída de produto deve ser contabilizada e anotada, auxiliando no controle de fluxo de caixa, análises de venda e afins.

Esse registro pode ser realizado até mesmo em planilhas simples, mas contar com um sistema ERP para essa tarefa torna diversos processos mais simples por conta da capacidade de integração com outros setores.

3. Incentive o engajamento da equipe

Para um bom controle de vendas, é fundamental que exista um engajamento dos funcionários com o(s) produto(s) ou serviço(s) oferecido(s) pela empresa. Sem isso, a equipe não gera os resultados desejados, e as vendas caem. Desse modo, é importante que existam reuniões para definição de metas e conversas mais abertas com seus colaboradores.

É necessário, ainda, um bom planejamento de ações que visem a redução de erros na conversão de clientes. Uma dica para isso é seguir o roteiro de vendas especificado pelo negócio.

4. Tenha um controle financeiro

Uma empresa precisa ter retorno para continuar suas atividades. Isso significa que é imprescindível contar com um bom controle financeiro, o que facilitará a discussão de questões de retorno, novas compras e definição de ações promocionais.

Ao realizar o controle de vendas, o setor responsável contará com dados mais precisos, e a gerência poderá ser feita com mais segurança no que diz respeito à margem de orçamento prevista. Isso significa uma menor tendência a atrasos do pagamento de faturas e um fluxo de caixa mais eficiente, por exemplo.

5. Crie um planejamento com metas e objetivos

Dificilmente falamos sobre controle de vendas sem citar os termos metas e objetivos. Afinal, quando se trata das vendas da empresa, as metas atuam como indicadores financeiros, servindo como parâmetro para mensurar se o desempenho da organização está atendendo às expectativas.

Da mesma forma, se os objetivos de vendas não são atingidos, isso significa que os profissionais da área e os gestores devem realizar mudanças nos processos, melhorias no produto ou no serviço, reformulação da abordagem, da linguagem e do formato de comunicação usados no atendimento ao cliente, entre outros aspectos importantes.

Dado o contexto, em uma boa estratégia de controle de vendas, é imprescindível que sejam traçadas metas e objetivos financeiros que correspondam à realidade do mercado e do negócio.

Isso significa que as metas devem ser ambiciosas, mas não podem ser irreais em relação ao contexto socioeconômico atual, visto que a ideia é estimular os vendedores e não os frustrar. Dito isso, é importante que os objetivos financeiros sejam definidos juntamente ao auxílio dos profissionais. Afinal, são eles que estão na linha de frente do mercado lidando diariamente com o consumidor e suas objeções.

6. Faça um bom mapa do fluxo de vendas

O ciclo de venda no qual o consumidor de uma determinada empresa está inserido é composto por diversas etapas. Mapear esse fluxo é a melhor maneira de facilitar o trabalho dos profissionais de vendas, já que essas informações permitirão que os processos sejam melhorados, e a satisfação do cliente, aumentada. Normalmente, o fluxo de vendas básico de uma empresa segue esta ordem:

  • prospecção do público-alvo;
  • apresentação do produto ou do serviço;
  • apresentação da proposta da empresa;
  • fase de negociação;
  • follow-up;
  • fechamento da venda;
  • acompanhamento no pós-venda.

Lembre-se de que o mapeamento desse ciclo trará dados preciosos para que a equipe melhore o controle de vendas.

7. Acompanhe os resultados por meio de métricas e indicadores

O uso de dados obtidos por meio do controle de vendas trará uma visão muito mais ampla e estratégica aos gestores. Para isso, é fundamental que a equipe utilize boas métricas e indicadores de performance fundamentados em dados, especialmente para mensurar aspectos como:

  • Retorno sobre o Investimento (ROI);
  • custos;
  • perdas;
  • e até mesmo a produtividade dos colaboradores.

Cada indicador usado deve ser capaz de medir e de analisar essas questões periodicamente a fim de comparar com outros períodos e para que as devidas melhorias sejam aplicadas de maneira contínua.

8. Utilize um bom sistema de gestão integrada

Por fim, vale mencionar que, hoje em dia, existem softwares desenvolvidos para automatizar tarefas e facilitar as mais diversas funções dentro de uma empresa. No caso do controle de vendas, a organização pode utilizar um bom ERP de gerenciamento financeiro para integrar toda a gestão do negócio em uma única ferramenta.

Esse tipo de sistema, quando adquirido de um fornecedor de software com credibilidade no segmento de tecnologia, oferece uma infinidade de recursos para otimizar o controle de vendas, incluindo controle de estoque, integração entre diferentes departamentos, automação de processos, inteligência de negócios e muito mais.

Como você percebeu, ao seguir essas dicas, o gestor contará com mais estabilidade, segurança e retorno no negócio, além de mais organização de processos internos, maior controle de vendas e, é claro, muito mais satisfação por parte dos clientes.

Entre em contato conosco para saber mais sobre como aplicar nosso ótimo ERP na a sua empresa.


Quer saber por que a gestão fiscal pode mudar a forma como o seu empreendimento faz negócios? Este e-book foi preparado para esclarecer suas dúvidas sobre diferentes aspectos desse processo. Para saber mais, é só baixar o e-book gratuito clicando no banner abaixo. Boa leitura!

Quer acompanhar todos os conteúdos informativos, as dicas e as novidades sobre o vasto mercado de tecnologia da informação postadas pela MXM Sistemas? Então, siga-nos nas redes sociais! Estamos no Facebook, no Instagram, no Twitter, no YouTube e no LinkedIn!

Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.