Principais custos de uma empresa: quais são e como otimizá-los

Conhecer bem quais são os principais custos de uma empresa é essencial. Afinal, só assim é possível administrar, da melhor forma, os custos atrelados à venda de produtos ou à prestação dos serviços que a empresa desenvolve.

Com isso, o gestor pode desenvolver um planejamento estratégico, tomar decisões mais assertivas e exercer um controle financeiro mais eficiente. Do contrário, os valores dimensionados podem não corresponder à realidade, comprometendo as margens de lucro e até mesmo a sobrevivência do negócio.

Portanto, para não correr o risco de ignorar os principais custos de uma empresa, acompanhe os tópicos seguintes e descubra a real importância de desenvolver uma adequada gestão de gastos para o seu empreendimento e quais são aqueles que merecem mais atenção!

Recursos humanos

Infelizmente, em momentos em que a economia se apresenta instável, a estratégia que costuma ser usada para reduzir os principais custos de uma empresa é a demissão de profissionais.

Todavia, em vez disso, o ideal é estudar melhor o empreendimento, mapear bem os processos, descobrir quais são redundantes ou desnecessários e eliminar esses desperdícios.

Vale dizer que toda demissão gera um custo. Além do FGTS que compete à empresa, os investimentos em treinamentos acabam sendo descartados. Por essa razão, o ideal é priorizar a manutenção dos profissionais, afinal, eles são as engrenagens essenciais do negócio.

Infraestrutura

Os materiais necessários para realização das atividades da empresa, tais como móveis e itens de escritório, são custos importantes e que devem ser devidamente dimensionados.

E essa apuração deve ser feita com o máximo de precisão, já que se adquiridos em excesso ou em quantidade inferior podem gerar prejuízos, desde a depreciação dos produtos até o reflexo negativo nas vendas.

É importante atentar também para outros aspectos, como: o uso da impressora da empresa exclusivamente para a plotagem de documentos da organização e a utilização de celulares corporativos somente para ligações de interesse da empresa.

Aluguel e condomínio

Todo empresário deseja um amplo espaço físico para realizar suas atividades, mas, algumas vezes, não avalia a possibilidade de utilizar uma área menor, com a devida utilização dos espaços.

Não há como fugir, pois gastos com locação imobiliária e condomínio correspondem a um dos principais custos de uma empresa, não importa se a organização é de pequeno, médio ou grande porte.

Alugar espaços menores pode significar ser possível fazer a contratação de um especialista que está faltando na empresa, ou a possibilidade de investir em uma campanha publicitária de bom alcance.

Gastos com fornecedores

Os custos inerentes ao funcionamento de máquinas (eletricidade, por exemplo), estão ligados à fabricação de bens e prestação de serviços. E tão relevante quanto conhecer o valor gasto para viabilizar a comercialização dos trabalhos, é ter consciência de que esses valores estão diretamente ligados ao custo final de venda.

Não há necessidade de, por exemplo, contratar um plano de internet de 50 Giga, se a empresa conta com poucos profissionais utilizando a web somente para o envio e recebimento de e-mails.

Por isso, o importante é ponderar bem, negociar junto aos fornecedores e estudar o que, de fato, é melhor para a empresa, sempre levando em consideração a otimização dos resultados do negócio.

Percebe a importância de mapear e controlar os principais custos de uma empresa? Aproveite para assinar a nossa newsletter e se mantenha atualizado com as novidades que postamos!

Quer saber mais um pouco sobre Gestão Financeira? Então não deixe de baixar nosso E-book gratuito e domine o assunto:

 

Mídia Social:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *