OKRs: como usar e aumentar a produtividade do seu time

As técnicas de OKRs (Objectives and Key Results) podem ser definidas como uma estrutura para a elaboração de metas baseada na implantação de objetivos e indicadores. Essa metodologia surgiu em 1998 dentro de um departamento da Intel, a partir de um brainstorming que buscava um mecanismo para uma gestão/controle de metas eficiente.

No ano posterior, a mesma metodologia foi implementada pela ainda minúscula Google, quando estava no seu primeiro ano de atuação, muito distante de se tornar o que é hoje em dia. Depois disso, muitas empresas do Vale do Silício adotaram e continuam utilizando, tais como Dropbox, LinkedIn e Twitter.

Saiba, neste post, como utilizar OKRs para aumentar a produtividade da sua equipe. Acompanhe!

Determinar os objetivos da organização

Ao praticar a metodologia OKR primeiramente você precisa compreender que todas as metas precisam ser simples e objetivas, de modo que todos possam entendê-las perfeitamente.

Metas que seguem essa estrutura te permitem elaborar diferentes formas de atingir os resultados esperados e medir como você chegou neles.

Portanto, a primeira etapa para usar esse método no seu negócio é definir os principais objetivos da sua empresa. Logo, eles devem ser elaborados com mais qualidade, inspiração e engajamento.

Criar os resultados-chave para os objetivos

Agora que você determinou seus objetivos, a próxima etapa é definir quais as formas e métricas que você usará para chegar ao sucesso, estes serão seus resultados-chave e farão sua estratégia ser exclusiva.

Bons Key Results são quantitativos e mensuráveis, com parâmetros de sucesso que apontam a evolução de cada resultado e, portanto, dos seus objetivos.

Cada nicho de mercado possui seus critérios de êxito, por exemplo, uma metalúrgica precisa diminuir as perdas no processo de produção, uma empresa de telefonia deve minimizar a taxa de reclamação no fornecimento dos seus serviços, um restaurante precisa reduzir o desperdício exagerado de alimentos, e assim por diante.

Vale ressaltar que os OKRs anuais não podem ser muitos e precisam estar em conformidade com o “aonde” o empreendimento deseja chegar e não “como” aquilo deve ser atingido.

Mensurar os indicadores

A avaliação dos indicadores da técnica OKR contempla os extremos 0 e 1. O sweet spot (ponto desejado) normalmente situa-se entre as notas 0,6 e 0,7, devendo este ser o foco até a conclusão do período previamente definido.

Se esse propósito for atingido, compreende-se que os objetivos também foram cumpridos. Porém, se os indicadores forem obtidos facilmente, é necessário fazer uma reavaliação dos OKRs rapidamente, pois podem não surtir tanto efeito no contexto geral.

Com os objetivos bastante claros, torna-se mais fácil de diagnosticar a saúde da empresa e, assim, todos os envolvidos percebem se estão perto ou não daquilo que foi preparado e estabelecido.

Acompanhar os avanços

Você deve acompanhar de perto a progressão dos OKRs, afinal de contas, eles não poderão ser atingidos por si só. Apenas com o devido acompanhamento os resultados serão constatados.

Uma boa técnica é checar os status semanalmente, pois dessa forma é possível perceber as dificuldades e ajustar as ações para garantir o sucesso da empresa no período estipulado. Somente após o OKR tornar-se parte da cultura do negócio será possível realizar avaliações em intervalos maiores, como a cada 15 ou 30 dias.

Não se esqueça de descobrir nessas análises se os objetivos estão aumentando a produtividade da empresa e da equipe, bem como se existe valor agregado ao empreendimento e se são motivadores e harmônicos.

Esperamos que as dicas de como usar os OKRs expostas ao longo deste artigo possam te ajudar a crescer. Para isso, basta que você as coloque em prática o quanto antes para assegurar o engajamento de todos os colaboradores do seu negócio e conquistar um lugar de destaque no mercado!

E então, gostou deste conteúdo? Aproveite e siga nossas redes sociais para acompanhar nossas novidades. Estamos no FacebookTwitterLinkedIn e YouTube!


Fique por dentro de mais posts incríveis como este, assinando nossa Newsletter! Não perca:

Seu nome

Seu e-mail

 

Mídia Social:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *