5 passos para reduzir custos de TI em sua empresa

5-passos-para-reduzir-custos-ti-mxm-01Apesar de a tecnologia ser fundamental para o funcionamento de várias empresas, muitos gestores de TI são pressionados constantemente para reduzir os custos operacionais da área.

Possuir uma infraestrutura de TI econômica é fundamental para que o negócio consiga executar as suas atividades com alta performance e baixo nível de desperdícios. Dessa forma, os investimentos que a empresa faz na área passam a ter um retorno maior em médio e longo prazo.

Para reduzir custos, a empresa pode adotar várias estratégias. Quer conhecer as principais? Então, veja o nosso post de hoje!

1- Utilizar indicadores

O uso de indicadores é uma estratégia simples e eficaz para negócios que buscam formas de reduzir os seus gastos com tecnologia e, ao mesmo tempo, tornar os seus processos mais eficazes.

Eles podem ser aplicados em várias partes das rotinas de gestão e, por meio deles, o gestor de TI será capaz de avaliar o impacto de novas políticas de gestão, identificar gargalos, rastrear vulnerabilidades e outros fatores que podem contribuir negativamente para o bom funcionamento da infraestrutura de TI do negócio.

Bem definidos, os indicadores são uma importante ferramenta para empresas de todos os portes. Assim, a empresa consegue eliminar desperdícios e reduzir os seus custos operacionais com precisão.

2- Adotar tecnologias alinhadas com os objetivos do empreendimento

Um bom investimento não é só aquele com alto retorno, mas também um que esteja alinhado com os objetivos de médio e longo prazo do negócio. Uma estratégia de gastos em novas tecnologias empresariais baseada no retorno e no alinhamento de métricas reduz o gasto geral com TI em duas pontas: de um lado, a empresa passa a realizar investimentos com custo mais preciso, de outro, as aplicações terão um retorno em médio e longo prazo mais amplo.

Gestores de TI devem estar em contato constante com outras áreas do negócio para identificar com maior precisão quais são as soluções e tecnologias que podem causar um alto impacto nas receitas e no orçamento do empreendimento.

Trocando dados e obtendo acesso aos projetos e objetivos de cada área, a empresa poderá avaliar quais são os pontos-chave para tornar cada gasto mais eficiente.

3- Investir em serviços de consultoria de TI

Empresas buscam, a todo momento, novas formas de reduzir os seus gastos e tornar a sua infraestrutura mais eficiente. No entanto, muitos empreendimentos não possuem o suporte financeiro necessário para investir na criação de uma grande equipe de profissionais, com técnicos e analistas capazes de identificar as melhores tendências para o mercado.

Mas, nesse cenário, a contratação de um serviço de consultoria pode ser a peça-chave para que a empresa consiga otimizar os seus recursos sem grandes gastos.

4- Sistemas de monitoramento de infraestrutura

Por melhor que seja a política de gestão de TI do negócio, problemas podem ocorrer a qualquer momento. Para que a empresa possa lidar com essas falhas com agilidade, reduzindo o impacto que elas causam na rotina do negócio, a empresa pode investir em sistemas de monitoramento.

Eles avaliam permanentemente o funcionamento de sistemas para identificar falhas, indisponibilidade e excesso de requisições. Com o levantamento de dados sobre os problemas mais recorrentes tornará os recursos mais eficazes e os sistemas mais robustos.

5- Computação na nuvem

A computação na nuvem é uma das principais tendências em TI dos últimos anos. O uso da nuvem no ambiente corporativo torna o trabalho de profissionais mais ágil, aumenta a mobilidade dos serviços de TI e amplia a capacidade do empreendimento de atender as demandas de seus usuários.

Por meio de sistemas de cloud computing, a empresa pode tornar os seus gastos com licenciamento de software e outras tecnologias mais precisos e enxutos. Com o auxílio de softwares licenciados por meio de modelos de negócio como o Software as a Service (SaaS, ou Software como Serviço, em português), a empresa passa a pagar apenas pelo número de usuários que uma aplicação possui.

Da mesma forma, outros serviços podem ter a quantidade de recursos contratados diminuída conforme a necessidade do empreendimento. Assim, a empresa pode se preparar com antecedência para novos desafios e tornar os seus gastos mais eficazes.


O que achou das nossas dicas para reduzir custos? Aproveite para compartilhá-las em suas redes sociais!

Mídia Social:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *